11 julho, 2006

Candidatos apostam tudo em grupo de apoio

Sem poder fazer campanha ostensiva com a entrega de brindes, outdoor e bandeirolas nos postes, os candidatos apostam tudo nos grupos de apoio para conseguir ganhar a eleição. Os vereadores, líderes de bairro, religiosos e formadores de opinião sãos os alvos. Na busca pelo voto os candidatos também não olham o partido dos apoiadores.
Renato Amary, por exemplo, que disputa vaga à Câmara Federal, escalou o vereador por Sorocaba Hélio Godoy (PSDB) para atuar como agente de cabos eleitorais em dez cidades da região sudoeste do Estado. Nascido em Itaporanga, Godoy tem parentes e amigos políticos e líderes de bairro em cidades como Riversul, Itaí, Sarutaiá, Taguaí, Barão de Antonina. “São pessoas de diversos partidos. Tem gente até do PT”.
Hamilton Pereira (PT) conta com o apoio dos líderes do seu partido nas cidades pequenas, como o vereador Francisco Ilse, em Tapiraí, e de lideranças sindicais em Sorocaba, como os metalúrgicos, condutores, papeleiros e vestuário.
Jefferson Campos (PTB) tem grupo fechado. São os pastores da igreja do Evangelho Quadrangular, da qual ele também é pastor. É recomendação da igreja o voto em Jefferson Campos e Valdir Agnelo, também pastor e seu colega de dobrada.

2 comentários:

Anônimo disse...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»

Anônimo disse...

I find some information here.