19 fevereiro, 2008


Fidel jamais será derrubado

Hoje se encerra a "era" Fidel Castro, tão representativa não só para os cubanos mas para todos nos latino-americanos. Durantes estas últimas décadas vivi a expectativa de ver Fidel ser assassinado, pensei que Cuba fosse invadida pelos EUA, achava que poderia acontecer a qualquer momento. Veio a crise de 1998, as campanhas anti-cuba, o tempo passou Cuba voltou a crescer e Fidel não foi derrubado, nem poderá ser, pois hoje ele anunciou o fim de seu governo.

O comandante anunciou que não será mais o presidente do Conselho de Estado Cubano. Durante 49 anos os EUA pretenderam que Fidel saísse dentro de um caixão, não foram poucas as tentativas, mas, apesar da saúde debilitada, Castro sai de cena com a cabeça erguida.

Fico muito triste quando leio nos jornais matérias dizendo que Fidel é um ditador, não concordo, antes de qualquer coisa Fidel é um dos libertadores de Cuba!

Viva o povo cubano!

Um comentário:

carol disse...

Pois é, Fabio, nos alegra e orgulha assistir Fidel deixando, ainda vivo, seu posto depois de todos esses anos ininterruptos de luta!
Também fico triste com o título de ditador, quando tudo o que ele fez foi libertar uma nação e mante-la,com muita dificuldade, livre das costumeiras dominações americanas.Pra quem não tinha muitas opções ele tomou as decisões certas sempre que necessário e é, para nós um exemplo que escapou de tornar-se mártir!