18 outubro, 2006

Candidato a Pinochet

O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, disse nesta quarta-feira que um eventual segundo governo de Luiz Inácio Lula da Silva acabaria antes mesmo de começar. A declaração do tucano foi rebatida duramente pelo ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro e o ex-ministro José Dirceu que acusou os tucanos de apostarem numa crise institucional. “No debate da Bandeirantes, ele demonstrou seu lado vendedor dizendo que ia privatizar o avião da República. Agora já demonstra o outro lado, que é mais perigoso, o lado ‘Pinochet’”, disse Genro, por sua vez, em referência ao ex-ditador chileno.

O Alquimista reconhece a derrota e promete um golpe.

Arrisca a sorte, safado.

Um comentário:

Octávio disse...

Isso é fruto do desespero.. ele vai até lançar um hit do Cazuza, em nova versão, na Tucano Records: "Desesperado! jogado a seus pés.."